O Estado da Música Germânica em 1770, ou sua leitura por Charles Burney: uma possibilidade de interpretação de informações coletadas à época do nascimento de L. van Beethoven

Autores/as

  • Matheus Theodorovitz Prust

Palabras clave:

Charles Burney; The Present State of Music in Germany; História da Música

Resumen

O objetivo deste texto é o de apresentar dados sobre a leitura de Charles Burney (c. 1770) em relação à música germânica de seu tempo. Partindo do prisma de que as fontes bibliográficas em torno da história da música, como é o caso de Burney, relacionam-se ao momento em que foram compostas, propomos um olhar sobre as particularidades desses textos, entendidos como um espelho para a sua época. Dessa forma, pretendemos exemplificar o conteúdo da bibliografia selecionada, sugerindo conexões entre as informações apresentadas em um primeiro plano e aquelas que são descritas de forma indireta. Assim, o contexto que é formado pelo pareamento desses dados nos permite compreender especificidades sobre as influências a que os compositores estavam expostos. Ao revisar a bibliografia, constatamos que os conceitos de representação de nacionalidade, busca pela internacionalização do gosto, e a música como representativo do homem e sua liberdade, faziam parte do momento descrito por Burney.

Descargas

Publicado

2020-12-22

Número

Sección

Dossier